sábado, 27 de fevereiro de 2010

E o Futuro?

Ontem no msn, estava conversando com a Ana ( http://ana-inside.blogspot.com/) e ela me passou o link de um blog.
Nesse blog a menina escrevia um post se despedindo, pois após uma consulta médica, foi constatado um nódulo maligno no estômago ( câncer ). E ela só tinha 6 meses de vida.

Nem preciso dizer para todas vocês o turbilhão de coisas que se passaram na minha cabeça.
Vocês conseguem se imaginar nessa situação? Morrer pelas próprias mão? Se matar, aos poucos?
Eu não sinceramente, enquanto lia não sei descrever pra vocês o que senti. Isso afinal, deveria servir de lição, para que nós paremos de nos matar aos poucos - porque é isso que estamos fazendo - em busca de um ideal. E que ideal? Você consegue um motivo plausível pra me dizer o porque de buscar esse ideal?

E mesmo assim, hoje miei 3 vezes. Como disse pra você NÃO vou reclamar. Eu provoco isso, eu tenho consciência disso. Tenho feito ( ou tentado) fazer coisas boas e mesmo assim a porcaria do peso não baixa.
Ando pra caramba, não tomo refrigerantes, nem sucos, não como frituras, nem tão pouco doces, pãe etc. E mesmo assim meu peso não baixa. É de deixar qualquer um louco você não acha?

Tô meio perdida, e ao mesmo tempo tenho que me reencontrar. Afinal a vida não para pra que você ache aquilo que proucura..

Beijos meninas, desculpe o post desconexo..


"Devemos ser a mudança que queremos ver.."

quinta-feira, 18 de fevereiro de 2010

Não mais irei

Reclamar. Isso mesmo. Do que irá adiantar ficar reclamando?
Pensando em tudo isso pelo que a gente passa cheguei a conclusão que é totalmente inútil, perca de tempo, energia e tudo mais.

Se você tem/teve uma compulsão, comeu o que não devia, reclama de que? Se xinga porque? Se automutila porque? Você não tinha consciência do que fazia? Não foi você que foi lá, pegou aquela comida, colocou na própria boca, mastigou e engoliu?

Então porque reclama?

Então porque não faz o contrário? Não está cansada de reclamar?

Eu sim. E por isso não vou mais faze-lo. Se fiz algo errado vou engolir (literalmente), fazer disso como um castigo e seguir em frente. Só desse jeito que as coisas vão/devem funcionar...
Não sei quanto me peso, há semanas não subo na balança. tenho a terrível sensação de que irá marcar um peso recorde, ou não. Não sei. Tudo está muito confuso. Me vejo cada vez mais gorda. Ao mesmo tempo tomar uma atitude parece inútil.
Mas, ao mesmo tempo estou tão feliz, porque nunca tinha ESTADO tão feliz assim.
Sinto que as pessoas gostam de mim, gostam da minha compahia. Tenho saído, tenho me divertido, e muito, apesar de tudo. E isso em parte me faz tão beem.. Que nada importa nesses momentos..

Sábado vai ser O Dia. Ou meu mundo desanda, fica na mesma, ou gira mais rápido. veremos. Vou me pesar..

Forças meninas. niguém disse que era fácil..

sábado, 6 de fevereiro de 2010

Nem sei que título postar.
Desde a última postagem, as coisascontinuaram na mesma, em relação aquele assunto. Se quer saber estou realmente de boa, Não adianta mesmo ficar lutando contra o inevitável.

O que quero mesmo é focar no meu objetivo. Essa semana passei por um problemas pessoais (Ana Paula sabe.. ownnn migaa) e eu tenho certeza que engordei. Não sei mais o que fazer, estou realmente cansada de nadar, nadar e nadar e não chegar nunca a lugar algum.

Vai ser mais difícil vir aqui agora, só estou passandopra dar sinal de vida, minhas aulas começaram e a correria tá humilde viu (Y)..

Beeijos meninas!
As novas comento depois!!