sábado, 29 de novembro de 2008

Doente .

Olá meninas, como têm passado?

A semana esteve atribuladíssima, nem postar.

Sim, estou doente, na quinta depois da prova, o bar ao lado da minha faculdade iria completar 13 anos, e logicamente ia ter festa e tals. Não ia perder.
Tinha passado o dia inteiro com meos de meia xícara de café com leite e suco de acerola batido no liquidificador.
Antes de irmos para o bar, paramos em outro bar. (Sim, meus amigos são chegados e muito num copo..) e eu, acabei tomando 3 copos de cerveja.
Foi no outro bar que comecei a passar mal, uma onda de calor me subiu, fiquei fraca, com a respiração ofegante, e fui lá pra dentro me sentar. Uma menina da minha sala me deu água e tals e eu dei uma melhoradinha.
No dia seguinte ainda fui trabalhar. Mais ao final da tarde já não aguentava ficar de pé, uma dor intensa no corpo, frio, muito frio, e febre. Nesse dia (ontem) só comi uma pêra e um tomate.
Hoje, porém, um pouco melhor, so trabalho na parte da manhã, mais não fui, estava me sentindo meio zonza. Só comi 1/2 maçã e um pouco de cenoura e vagem cozida com uma colher de feijão.
Não me passa nada na garganta. Não tenho vontade de comer nada. Só beber líquidos. O que haverá de ser??
Eu acho que é a falta de alimentação decente, meu organismo deve estar reclamando, ou uma gripe ou virose, isso tá atacando todo mundo lá em casa. Semana passada era minha mão e hoje meu irmão, coitado, não para nada no estômago dele, e agora pouco foi no hospital tomar soro.

Mais tudo tem o lado bom não? Espero emagrece assim. Mais se tiver que me sentir assim para emgrecer, juro, não quero. É muito ruim, só fiquei deitada o dia inteiro, zonza feito um zumbi.
Tenho que melhorar até segunda. Essa semana que vem inteira tenho provas, e depois férias! ahh..

E vocês, como tem andado?

Beijos a todas!

terça-feira, 25 de novembro de 2008

Rapidinho

Passando rapidinho para dar sinal de vida .
Ham, mas, que vida heim?!

> sábado foi primeira comunhão do meu irmão, e como tudo vira festa, bolo de prestígio+pipoca = vomitado.
> domingo em casa estudando = compulsão (o resto preciso dizer?)
> segunda feira de controle parcial .

E Hoje, até agora, somente um pouquinho de café com leite. Quem sabe como algo mais tarde. E o melhor de tudo >> sem fome<<
Acho que estou voltando ao que era antes. Graças.
Só preciso de tempo pra fazer chá verde. Desse ano não passo sem os meus 48kg! Nunca mais frustação na hora de vestir uma roupa. Tenho tantas e não uso nenhuma. A mesma calça jeans todo dia.

Dia 13 tenho uma festa e PRECISO emagrecer 2 quilos até lá.

http://www.verderosa.com.br/fant_ler.php?cat=Austríaca%20Sexy%2001&id=2752

Essa é a fantasia que pretendo ir. =D

Beijos e se cuidem.
Depois faço um post decente e visito vocês e linko as maninas novas!

;*

AMO . *

domingo, 16 de novembro de 2008

Devagar se vai ao longe.. (eu acho)

Olá Meninas, como vão?
Eu, na medida do possível tenho ido. Tomando muito chá verde, água e fazendo academia.
Desde que eu cheguei ao fundo do poço, já emagreci 2,5 kg.
Muito? Pouco? em menos de um mês? Depende do ponto de vista, pra mim, é muito, pois um resultado expressivo assim não acontece toda hora comigo.
Esse final de semana, doces, doces e doces. Minha mãe fez um bolo com pudim, meu pai ganhou uma travessa imensa de pavê, compraram doce de leite, fizeram lasanha no almoço.. e eu nessa história?!
Comi um pedacinho ali, outro aqui.. mas de grão em grão vocês sabem né?! Algumas coisas vomitadas, outras não..
Ontem em casa de minha vó, ela soltou um monte de piadinhas, "ah come isso, ah, come aquilo" e eu, "não não quero", "ah é, você faz dietinha.."
Grrrrr.. "Que dieta, que saco, vocês ficam insistindo nisso". E saí.
Não aguento mais esse povo se metendo na minha vida. No serviço, se eu não quero pão, falam que estou de dieta, em casa, minha mãe não fala nada, mais fica dando a enteder, minha vó pega no meu pé, minhas tias ficam falando..
Estou mesmo de dieta, mais não gosto que fiquem falando, se intrometendo. Não aguento mais.
Quero férias logo da faculdade, não estou suportando ir para lá, todos me olhando, ando tendo fobia disso.

Não tem sido fácil.. preciso emagrecer logo, uso apenas algumas roupas, das tantas que tenho. Uso as mesas batinhas, com vergonha do meu quadrilzão, uso a mesmas calça todos os dias, porque não me deixa muito gorda.. Preciso emagrecer logo. E pronto.
Queo senir meu estôago vazio, a fraqueza da falta de comida, quero ser fina magra, e desse natal não passa, chego aos 48kg na marra. Falta pouco, que se transforma em muito.
Mais eu vou conseguir custe o que custar.

Força a vocês, desculpe o texto desconexo, estou sem um pingo de inspiração, já se sentiram assim?! Então..

Beijos e força!

terça-feira, 11 de novembro de 2008

Ânimo..

Olá meus amores!
Há quanto tempo não venho aqui.. há quanto tempo não retomo o que um dia comecei.
A essa hora, era para eu estar na faculdade, tenho um trabalho que valem décimos, de uma matéria na qual eu estou em cima da média, mais e a vontade?
Mudei a trajetória como quem pisca o olho, e vim para a lan.. Por que? Não sei. Acho que não quero que me vejam, não estou com vontade, desânimo e tudo o que você possam imaginar.

Depois de muito tempo afastada estou voutando aos poucos. Depois de ir ao fundo do poço, voltar a estaca zero, ter crises de choro e medo, consegui a muito custo voltar ao peso que me recordo ser o último que temerosamente vi na balança quando subi pela última vez. Como? Cansei, cansei de tudo.. Talvez só levando na cara que a gente aprende. Mais também fica com marcas.. só vocês melhor do que ninguém entendem o que se passam em nossas cabeças.

Mas, há o lado bom das coisas.
Lembram-se que eu havia falado no menino bonito do meu serviço, que era noivo?
Pois bem, estou ficando com ele. E a noiva? Vai bem, ele agradece.
Foi uma coisa mútua, uma atração repentina, que nós não conseguimos explicar. Matamos os últimos horários da faculdade (aulas que não têm muita importância, também não sou uma má aluna =) ) e vamos nos encontrar. As vezes andamos de carro, e as vezes ele me leva de moto num lugar alto, em que avistamos a cidade inteira.
No serviço, é como se nem nos conhecêssemos direito, mais por msn conversamos muito. Tudo muito bem escondido. Um sonho que sempre em hora marcada para terminar. Essa é a condição, e eu sei. O futuro, muitíssimo previsivo, eu sei. E por que continuo fazendo?! Por que pela primeira vez, quebro as regras, saio do padrão, cansei de ser "normal".. Só espero não me machucar muito no final.
Precisava de emoção na minha vida. Pelo menos isso estou conseguindo.

Dietas?! Não sei.. como o menos possível, tomo bastante chá verde e limonada (acelerar o metabolismo) e faço spinning. Espero não engrossar demais as pernas.
Vamos indo..

Sem mais,

Beijos e até, força!

domingo, 9 de novembro de 2008

Vou voltar..

Hoje organizei meus sonhos em seqüência e prioridades descartei amores duvidosos, amores feitos de promessas camuflados sob o manto do amanhã que nunca acontecepor medo, covardia, comodismo, insegurança ou... Sei lá.
Não quero mais enigmas que devoram minhas expectativas nem a face enrugada da tristeza refletida no meu espelho.
Quero recriar a canção da minha vida em notas de alegria e resgatar o projeto original da menina que era feliz e sabia.
Hoje eu disse adeus às promessas construídas em séries e abandonei as utopias feitas em cerâmica que trincaram. Não mais emprestarei minha alma a moldes disformes nem usarei as lágrimas para umedecer o barro sem arte.Não quero o martírio de um paraíso do outro lado do muro nem o mapa para que eu siga pistas de potencial vitória quero a felicidade beijando minha boca com sofreguidão e o amor presente fazendo bagunça no meu coração.

[Lady Foppa]

Amo vocês!
vou voltar em breve...